Peixe Morto – Submidialogias

Autores (seguindo a ordem dos textos publicados): Internacional Errorista, Maira Begalli & Amanda Wanderley, Felipe Fonseca, Anna Nimus, Morgana Gomes & Caio Resende, Ricardo Ruiz, Vitoria Mario, Jonathan Kemp, Mariana Marcassa, Maria Llopis, Thiago Novaes, Adriana Veloso, Pedro Soler, elenaralelex, Gèṣù Selva, Cristina Ribas, Juliana Dorneles, Verenilde Pereira dos Santos, Edmunda Freudina e Bráuzio Varanella, Pasteur Eixo dos Santos, Hamdy Reda, Richard Barbrook, Fabiane Morais Borges, George Sander, Hilan Bensusan, Precarious Workers Brigade. Organização: Fabiane Borges

ISBN 978-85-66125-00-9

O livro “Peixe Morto” surge a partir da lista de emails Submidialogias. O nome do livro foi inspirado no evento Submidialogias/2010, que aconteceu em três cidades do Brasil: Arraial d’Ajuda (Bahia), Baía de Paranaguá (Paraná) e Mirinzal (Maranhão). As imagens de Peixe Morto da capa desse livro foi uma convergência performática, onde vários dos participantes do festival se deitaram no chão do mar de Arraial D’ajuda, escrevendo com seus corpos a frase “Peixe Morto”. Os textos são sobre a história da cultura digital brasileira, sobre os festivais M’idia Tática Brasil, Digitofagia, Submidialogias, sobre questões mais filosóficas como matéria e natureza, ou ainda ecologia digital, tem também reciclagem de computadores, rituais tecnomágicos, sexo na internet, entre outras coisas. É possível folhear o livro e se surpreender com algumas discussões de ponta, ou críticas duras à orgãos financiadores do Brasil, ou ainda um texto poético sobre a primavera Árabe. O livro não é financiado por nenhuma instituição, ele tem esse carater independente e os autores enviaram os textos generosamente através da lista de emails ou através de convite pessoal por parte da organizadora desse livro. https://submidialogias.midiatatica.info/

Scroll to Top
Rolar para cima